Minha lista de blogs

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

ENTREVISTA - PORTAL R7- ANTES E DEPOIS

ENTREVISTA  PORTAL R7
ANTES E DEPOIS DA DIETA DUKAN

UM POUCO DE MIM


Entrevista, que dei para a Amanda Brum, do Blog Emagrece Bolotinha, do portar r7.


Aos 57 anos, Néia emagreceu 11kg, venceu o hipotiroidismo, colesterol e triglicérides. Hoje é fenômeno no Instagram, onde posta suas receitas como @neiacal e é seguida por mais de 15 mil pessoas. Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal.
 Emagrecer não é fácil pra ninguém. Muito menos pra quem já passou dos 50 anos e tem problemas de tireoide, a glândula que regula os hormônios que agem diretamente na perda e ganho de peso. 
Mas a bióloga Sidnéa Fiori Caldeira, de 57 anos, conseguiu. Casada e mãe de dois filhos adultos, ela é prova viva de que não há idade e nem problema de saúde que resista à força de vontade e desejo de vencer. 
Conhecida como Néia, ela começou a engordar por causa do hipotireoidismo, doença que faz com que o metabolismo fique mais lento. A esse problema, somou-se alterações no triglicérides e no colesterol. 
Depois de fazer um tratamento médico, ela conseguiu regular as doses hormonais e parou de engordar. Mas o peso adquirido, não ia embora de jeito nenhum. Foi aí que ela decidiu fazer uma dieta, inspirada em uma amiga que emagreceu 20kg.
De lá para cá, Néia eliminou os 11kg que tinha sobrando, recuperou a autoestima e colocou em ordem a saúde, pois todos os seus exames laboratoriais voltaram ao normal.
Maga na cozinha, ela faz sucesso na internet com as receitas que adapta para a culinária light e low carb (baixo teor de carboidratos).
Veja o que ela contou pra gente e inspire-se em mais essa história de sucesso.

anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 mesesEmagrece Bolotinha - O que te levou a tomar a decisão de iniciar a dieta? Foi o hipotiroidismo?
Sidnéa Fiori Caldeira - Fui ganhando peso lentamente e também me sentia muito desanimada. Minha ginecologista descobriu que eu estava com hipotireoidismo e me alertou que se eu não tomasse alguma atitude, a cada dia ficaria pior. Consultei uma endocrinologista, comecei o tratamento e, depois de quase dois anos, foi acertada a dose hormonal e então parei de engordar, mas o peso adquirido antes e nesse período não conseguia eliminar, daí resolvi fazer uma dieta.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 mesesComo você escolheu a dieta que ia seguir?
Néia - Tenho uma amiga que havia eliminado 20 quilos e me falou sobre a dieta Dukan. Fui atrás e comprei o livro “Eu não consigo emagrecer”, do Dr. Pierre Dukan. Também fiz pesquisas na internet e encontrei alguns blogs de pessoas que faziam a dieta e fiquei super empolgada.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 meses Como foi entre a escolha do método que usaria para emagrecer e o início propriamente dito da dieta? 
Néia -  Marquei uma data para o início, uma segunda-feira, 5 de novembro de 2012. Eu e mais duas amigas do trabalho combinamos de começar e fazer juntas. Para a minha surpresa e alegria, sem combinar nada, o meu marido resolveu entrar junto nessa luta. Como foi uma decisão dele, acabou sendo um super incentivo para mim. Na sexta feira anterior, em nosso local de trabalho, acabamos com todo tipo de comida que não era permitido, literalmente comemos tudo, e combinamos de só levar o que era permitido. Cheguei até a ouvir de um colega a frase: "Ah, Néia, você não vai conseguir seguir essa dieta, porque não pode comer macarrão...". Ele sabia da minha paixão por macarrão e isso aumentou ainda mais o meu desafio. No domingo me despedi com um risoto, vinho, sobremesa, afinal, já imaginava que não seria fácil, mas brindamos ao nosso futuro sucesso.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 mesesEm quanto tempo você atingiu seu objetivo?
Néia - Foram quase 4 meses com muito foco, e todos conseguimos atingir nossa meta, eu, meu marido e as minhas duas amigas. Hoje todos mantemos o nosso peso. Aliás, o fato de fazermos em grupo foi uma situação bastante positiva, pois a todo o momento conversávamos, trocávamos experiência e nos apoiávamos.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 mesesQual foi, na sua opinião, a(s) maior(es) dificuldade(s) que você enfrentou durante a fase de emagrecimento?
Néia - A maior dificuldade com certeza é a vontade que você passa, pois cortar o que estava acostumada a comer no dia a dia não é fácil. Outra dificuldade são as saídas com os amigos, pois alguns acabam te rotulando de chato, ao pedir algo totalmente diferente do grupo, e sempre diziam: “dieta não pode ser assim, só por hoje pode...”. É bem difícil esta parte, pois alguns que não conhecem a sua dieta não entendem.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 meses Como você superou essa(s) dificuldade(s)?
Néia - Os amigos, logo perceberam que eu estava determinada e não se importaram mais. Outro fato é que todos que faziam esta dieta diziam, nesta dieta você não passa fome, mas vontade você passa, então decidi não passar vontade. Daí entrou a minha criatividade na cozinha, se tinha vontade de comer lasanha, macarrão, inventava um para a dieta, se tinha vontade de comer sushi, adaptava para a dieta, e criei pães, pizzas, tortas tudo adaptado para a fase de emagrecimento da dieta dukan.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 mesesO que mais te motivou a manter a linha durante a fase de emagrecimento?
Néia - Com certeza, visivelmente os resultados e os elogios do marido, que levaram a minha autoestima lá em cima. Outro ponto positivo foi quando voltei na endocrinologista e os exames de colesterol, triglicérides e outros, que há anos estavam acima dos níveis adequados, estavam normais. Isso sim para mim foi o grande ganho e incentivo para continuar firme.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 meses Você sempre cozinhou? Como funciona o seu processo de criação e adaptação de receitas ao método Dukan ou versão light?
Néia - Cozinhar para mim sempre foi um prazer, uma arte, sempre gostei de criar e testar receitas novas, com a dieta isso foi muito legal, pois aguçou muito esse meu lado criativo e todo tempo de folga eu queria ir para a cozinha e inventar ou testar algo.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 mesesNa sua opinião, quanto do seu sucesso na dieta você deve aos pratos que inventou e criou?

Néia -É difícil quantificar esse tipo de coisa, mas meu marido, que foi minha cobaia neste processo, sempre brincava dizendo, que é muita sorte viver ao lado da “master chef” Néia e que a dieta ficou muito mais prazerosa, pois eu sempre me preocupei em montar pratos que não tivessem cara de dieta e variar o cardápio.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 meses Quais são suas preparações preferidas? Poderia compartilhar as receitas conosco?
Néia - Minhas preparações preferidas são os pães e entre eles o “pão super fibras”, batizado pelo meu marido. Esse pão me acompanha sempre e faz muito sucesso com minhas seguidoras no Instagram (@neical). As pizzas, uma que dei o nome de crocante, que gosto muito, e o escondidinho de couve flor que é apreciado por todos. Tem também a lasanha de berinjela. Tem a empadinha de Proteína Isolada de Soja (PIS).


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 mesesE a proteína isolada de soja (PIS) pode na Dukan?
Néia - Essa farinha (PIS) não possui carboidratos e quebra um galho nas receitas. Fui eu que testei e introduzi na dieta, e tive o aval do Dr. Dukan, quando ele veio ao Brasil, para usar essa fibra de soja como ingredientes nas receitas, e hoje muitas pessoas usam. Todas essas receitas têm no meu Instagram (@neiacal) e no meu blog.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 meses Como é sua rotina de exercícios?
Néia - Antes da dieta, fazia apenas caminhadas, mas sem ritmo e falhava muito. Com a dieta, isso entrou de vez na minha vida. Comecei com caminhadas, depois alternei com corridas, e hoje já participo de corridas de 5 km e me apaixonei por essa atividade. Mas antes procurei um cardiologista para uma avaliação, pois afinal não sou jovem para me aventurar e atualmente estou fazendo um pouco de musculação.


anjoediabo Bióloga de 57 anos muda de corpo e de vida em 4 meses O que você diria para motivar uma mulher na casa dos 50 anos que está com dificuldades de emagrecer?
Néia - Que basta querer que conseguiremos. Se não consegue sozinha, procure a ajuda de um profissional da área, independentemente da idade ou de algum distúrbio hormonal ou hipotireoidismo, que com determinação, todos conseguem. Eu sei que a minha luta, foi difícil, mas quem quer fazer, não pode arrumar desculpas.


Néia conquistou seu objetivo em 4 meses e contou com o apoio e ajuda de seu marido, que por livre e espontânea vontade aderiu ao projeto dela.


Modéstia a parte, mas me senti, quando soube que a chamada de minha entrevista saiu na capa do Portal r7, ao meu lado na capa, só famosos, como a  Grazi Massafera,  o Ney Mar entre outros.



A entrevista original, feita pela Amanda Brum, do Blog Emagrece Bolotinha, esta no endereço abaixo.

http://entretenimento.r7.com/blogs/emagrece-bolotinha/biologa-de-57-anos-muda-de-corpo-e-de-vida-em-4-meses-20131101

5 comentários: